Mensagens

A mostrar mensagens de 2007

As organizações na era do conhecimento e da partilha da informação

Em plena era do conhecimento e da partilha da informação, é bom que quem tem a seu cargo a gestão de topo das Organizações, tenha bem claro que o recurso mais importante são as pessoas. Só estas poderão, a partir da informação disponível, acumular e pôr ao serviço das organizações o conhecimento. Este é pois o combustível que alimenta o desenvolvimento da sociedade e das organizações, através de um processo consciente de inovação contínua.
E aqui as Tecnologias de Informação (TIC), têm um papel determinante e estratégico, já que são as ferramentas base para que a inovação possa ocorrer, criando maior riqueza para todos. Não devemos pois, confundir os conceitos de informação e conhecimentos , como qualquer outras matérias primas - aquelas têm propriedades "mágicas", já que permitem transformações rápidas, as quais se traduzem quase instantâneamente em mais riqueza. Assim, o conhecimento passa a deter a primazia numa civilização, em que a economia se globaliza a passos de gig…

Alguns princípios básicos para favorecer o relacionamento e estimular a motivação de RH nas Organizações

Imagem
A gestão de pessoas, implica o domínio de alguns princípios base de psicologia humana, e compreensão dos últimos avanços da neurociência, que na maioria das vezes são desconhecidos de quem lidera e administra, e as empresas pouco ou nada investem na formação nestes domínios, ou até os desconhecem por completo.
Daí que a liderança de equipes seja, sobretudo em Portugal, tão fraca, conduzindo invariavelmente as empresas a fracassos nos seus objectivos, ainda e apesar de ao nível superior da hierarquia (administrações, direcções de empresa, etc.), investirem em algum planeamento estratégico, esquecendo porém por completo a base da sua pirâmide de recursos humanos, e os níveis de chefia intermédia, que são os verdadeiros executores do modelo estratégico delineado.

A motivação e o desenvolvimento de pessoas assenta em princípios básicos como o aceitar que cada pessoa é um caso único, isto é dotada de características especiais, e que estas deverão ser aproveitadas e direccionadas no sentido d…

Liderança na era da colaboração e partilha da informação. Precisa-se Urgentemente !!!!

Imagem
O que (não se) deve fazer numa Organização.
Conceitos simples de liderança ....

Um líder inteligente quer os recursos e os colaboradores do seu lado, mas não os força a estar com ninguém em especial, nem contra outrem.

Não se comunica só quando as coisas ficam mal, sobretudo deve-se partilhar, com frequência, tudo o que de bom acontece.

A equipe não serve para "derramar ideias", emoções negativas, "feitios pessoais", "espírito de vingança", etc, mas sobretudo para "partilhar conhecimento e informação" como forma de a solidificar, criando o verdadeiro espíríto de entre-ajuda e do "team", de forma séria e integra.

Não devemos trazer para a Empresa o nosso estado de espírito negativo ou emoções de natureza pessoal, mas devemos saber ouvir os colaboradores quando têm problemas pessoais e se possível dar ajuda e contribuições positivas. Isto fomenta o espírito de equipa e fortaleçe as relações inter-pessoais.

As ideias devem ser sempre benvindas …